Esperança
Que toquem os sinos em nome da esperança
Eterna criança que vive, brincando, no peito
Dos homens que sabem da força que tem o respeito
Para com os seus semelhantes,
Na luta por seus direitos
Que traga a alegria o toque feliz deste sino
E faça dançar nas ruas meu povo menino.
 

Login do Usuário

Usuários Online

Nós temos 57 visitantes online

Estatística

Visualizações de Conteúdo : 111852